Teve Copa Sim

Sim, vamos falar sobre a Copa. Sim, eu também estou entupida de futebol nas últimas semanas. E, por fim, não, eu nem gosto tanto assim de futebol.

É importante que vocês entendam que tudo o que eu falo aqui é só a minha insignificante opinião, logo, se você não concorda, respeite já que ninguém é obrigado a pensar igual e eu, que só tenho 17 anos, posso não estar certa da mesma forma que muita gente nesse mundão não está.

 Vamos começar pelo básico: é claro que tem política envolta nesse tipo de evento, assim como nas olimpíadas e nos eventos de abrangência internacional, então é muito idiota esse mi mi mi todo que algumas pessoas fazem por causa disso.

E pode parecer muito repetitivo mas a questão é que: se você tinha a intenção de parar a realização do evento, você deveria ter feito isso sete anos atrás, quando fora anunciado o país sede, de forma civilizada, é claro. O nosso país não estava preparado estruturalmente naquela época e, agora, sete anos depois, não mudou muita coisa, mas, vem cá, colega, de que adianta protestar na frente dos estádios durante os jogos? Nada. Sério. Você não vai chamar atenção das autoridades da forma que você quer, além de aparecer na mídia internacional de uma forma igualmente estúpida, a não ser que esse seja seu objetivo, se for, bom trabalho.

Outra coisa de gente besta, que deu uma vergonha alheia danada, foi a vaia na abertura, me chame de petista (?), esquerdista ou só mala, mas mala mesmo foi esse pessoal que vaiou a nossa presidenta. Eu sei que muita gente não votou nela, e é claro que cada um tem direito de ter a sua opinião, mas o que você faz quando, na sua casa, alguém não aceita sua sugestão de filme, por exemplo? Você respeita. Não é muito diferente quando se trata do seu país. Muita gente votou na Dilma, da mesma forma que muita gente votou contra, venceu a maioria e ponto. Aceita que dói menos.

Também teve aquela galera que disse que “quem vaiou foi a elite branca que pode pagar pelos ingressos da copa”. Conheço muita gente pobre que vaiaria se estivesse lá e vaia em qualquer oportunidade. A classe social influencia, sim, na forma de pensar, mas não é um fator determinante. Ok, agora, vem cá e deixa eu te contar um negócio: a maioria das pessoas naquele estádio certamente tinha uma condição financeira melhor, mas, na minha opinião, eles não devem ser julgados por vaiar, não concordam com o governo e essa foi a forma de protesto, devem ser julgados como pessoas que não sabem respeitar. Eu acho muito massa mesmo ter oposições de ideias entre as pessoas, mas acho horrível quando as pessoas não sabem se opor. Vamos lá, o que custa respeitar o outro?

O que não faltou nessas semanas foram posts em tudo quanto é site falando das opiniões dos estrangeiros que vieram ver a copa e o feedback foi extremamente positivo. Pode ser só pra inglês vê, mas e daí? 

Ninguém prometeu um país perfeito antes ou depois da copa. Tudo já foi construído e, conhecendo o povo brasileiro como conhecemos, será muito provavelmente usado. As melhorias no metrô (pelo menos nos de São Paulo), por exemplo, foram poucas, mas quem sabe não é um começo? Um pontapé inicial para que alguém faça algo, sei lá, só jogando uma ideia ao vazio (candidatos a governador)

De qualquer forma, essa é a minha opinião (tá ficando repetitivo, mas eu gosto de falar enfatizar) e espero que, mesmo que não concorde, respeite. Não coloquei exatamente tudo o que eu penso, senão escreveria umas trinta páginas, mas esse é um resuminho.

Obrigada por lerem, se sentirem a vontade comentem (se não se sentir a vontade, comente também).

Isso é tudo, pessoal.

Besitos, Carol

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s